Conceito » Cultura » Viáticos

Viáticos - Conceito, o que é, Significado

Como muitas outras palavras de nossa língua, o termo viático provém do latim, mais especificamente do vocábulo viaticum, que por sua vez vem de via, que significa caminho. Na civilização romana, este termo era usado para referir a uma quantia de dinheiro e aos equipamentos necessários para fazer uma viagem longa.

Este termo tem um segundo significado, pois é sinônimo de extrema unção.

Por último, vale destacar que na Idade Média era empregado para referir a um tipo de imposto da qual os viajantes deviam pagar se quisessem atravessar um caminho que se encontrava nas terras de um senhor feudal.

No contexto do trabalho

Embora seja um cultismo que se usa apenas na linguagem cotidiana, pode ser empregado no contexto de trabalho. Assim, os viáticos são a quantia de dinheiro que um trabalhador recebe quando tem que realizar uma viagem longa, portanto, tem a necessidade de pagar uma série de despesas, como alojamento, alimentação, transporte, etc.

Existem duas modalidades diferenciadas: receber o aporte financeiro antes da viagem de trabalho ou então depois. No primeiro caso, fica definido um valor previamente acordado para o trabalhador pagar as despesas associadas à viagem. No segundo caso, o trabalhador desembolsa as despesas necessárias do seu bolso e acumula os comprovantes correspondentes para apresentá-los ao responsável de sua empresa.

Como regra geral as empresas têm um controle rigoroso sobre este tipo de despesa

Neste sentido, podemos incluir uma ampla gama de eventualidades: viagem com ou sem pernoite, gastos de quilometragem quando utilizado o veículo do trabalhador, manutenção, despesas de representação, etc.

O termo viáticos é de uso habitual na América Latina, enquanto que na Espanha são usados outros conceitos equivalentes, como gastos de deslocamento, despesas de viagem ou gastos de locomoção. Do ponto de vista contábil, trata-se de um conceito importante, pois pode ter relação com a fiscalização da empresa e do trabalhador.

Muitas vezes, fala-se da morte de maneira metafórica e se diz que é a última viagem.

Os primeiros cristãos introduziram o costume de oferecer a comunhão àqueles que se encontravam próximos à morte. Este ritual cristão é conhecido de várias maneiras: unção dos enfermos, extrema unção ou meios viáticos. O padre é a pessoa responsável por dar este sacramento ao crente que previamente o solicita.

De qualquer forma, trata-se de um sacramento oferecido como um alimento espiritual, que serve para consolar a pessoa que se encontra gravemente doente e quer deixar este mundo em paz consigo mesma.

Imagem Fotolia. iiierlok_xolms

Relacionados:

  1. Senhor Feudal
  2. Missiva
  3. Salário Bruto
  4. Feudalismo
  5. Vassalo
  6. Peculato
  7. Conotação
  8. Letra de Câmbio
  9. Letrado
  10. Contribuição