Conceito » Aprender » Perambular

Perambular - Conceito, o que é, Significado

Como regra geral, quando nos deslocamos, fazemos isso em uma direção específica e com uma finalidade. No entanto, em certas ocasiões, vamos a lugares sem nenhum rumo definitivo. Para referir a esta ação empregamos o verbo perambular. Normalmente é usado para indicar alguém que anda de um lugar para o outro de maneira não planejada, com a intenção de distrair-se e sem nenhum tipo de pressa.

Mendigos, passageiros e viajantes

Uma das características que definem os mendigos é precisamente o hábito de perambular. O fato de não terem uma casa e uma vida estável faz com eles decidam por qualquer lugar. Apesar de o mendigo viver em uma situação de marginalização social, para alguns deles o fato de perambular sem laços nem obrigações é uma forma de expressar seu espírito livre.

Passear e perambular são termos sinônimos. Apesar de sua equivalência, trata-se de duas ações diferentes. Assim, passeamos com um objetivo concreto (por exemplo, quando vamos fazer compras), mas perambulamos quando caminhamos de forma confusa e sem rumo, simplesmente pelo prazer de andar.

A figura do viajante apresenta diferentes versões. Tradicionalmente, aqueles que viajam a um lugar qualquer planejam sua viagem de ida e volta com antecedência. No entanto, alguns viajantes preferem perambular sem nenhum tipo de plano. Esta forma de viajar não tem nada a ver com as viagens programadas dos turistas convencionais.

Animais de rua

Os animais também perambulam. Na verdade, em algumas cidades, há uma grande quantidade de cachorros e gatos que não têm um lar, por este motivo vagam pelas ruas em busca de comida e abrigo. O fenômeno dos animais de rua está muito presente em cidades como Istambul, México D. F, Buenos Aires e Bogotá.

Pessoas com demência senil ou Alzheimer

Estas patologias neurológicas estão associadas a uma deterioração cognitiva. As pessoas que sofrem com essas doenças, muitas vezes, sentem a necessidade de deixar suas casas e sair por aí sem nenhum rumo específico. Obviamente, a perambulagem destas pessoas é motivo de preocupação para seus familiares, já que é bem provável que se percam e não consigam retornar à sua residência habitual.

Em termos médicos, o tipo de andar de quem perambula está dividido em várias modalidades: marcha atáxica, cerebelar, espástica ou parkinsoniana. A perambulagem de pacientes com hemiplegia deve vir acompanhada normalmente do apoio de uma bengala ou tripé. Todas estas modalidades de perambulagem apresentam alguma anormalidade nos movimentos corporais.

Imagem: Fotolia. dedMazay

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: