Lei de Coulomb - Conceito, o que é, Significado

Na física, a lei de Coulomb é empregada para calcular a força existente entre duas cargas que se encontram em repouso. Trata-se de uma lei fundamental no campo da eletricidade e do magnetismo. Ao mesmo tempo, está conectada completamente com outra, a lei da gravidade enunciada por Newton.

O enunciado da lei e seus significados

Seu princípio é o seguinte: a força exercida entre duas cargas elétricas diferentes é simplesmente proporcional à multiplicação de ambas as cargas e, ao mesmo tempo, é inversamente proporcional ao quadrado da distância que as separa.

A formulação da lei de Coulomb significa que quando há duas cargas com o mesmo sinal, elas se repelem entre si, ou seja, se afastam. Pelo contrário, quando há duas cargas de sinal diferente, ambas se atraem. Desta maneira, a força elétrica de atração ou repulsão depende de dois fatores: a intensidade da carga elétrica e a distância existente entre ambas.

Deve-se destacar que a lei de Coulomb se aplica apenas em cargas de repouso dentro de um sistema de referência determinado homogêneo e isotrópico (para que o meio seja homogêneo deve apresentar as mesmas propriedades em qualquer uma de suas partes e para ser isótropo é necessário que as propriedades não dependam da direção de medida).

O século XVIII e a eletricidade

A eletricidade é um fenômeno físico relacionado com a interação entre duas partículas, prótons e elétrons. A atração existente entre ambas permite explicar todo tipo de fenômeno. Neste sentido, em meados do século XVIII, o cientista Benjamin Franklin demonstrou que os raios das tempestades eram na verdade uma forma de eletricidade na natureza.

O físico francês Charles Coulomb (1736-1806) foi o primeiro cientista a quantificar as forças elétricas e os resultados obtidos foram incorporados na lei que leva seu nome. Esta lei é considerada um princípio fundamental do eletromagnetismo e da eletrostática.

Ao longo do século XVIII ocorreram vários avanços teóricos e práticos relacionados à eletricidade:

os primeiros condensadores elétricos, a invenção do para-raios ou uma invenção do próprio Coulomb para medir com precisão a força entre as cargas elétricas. Estes e muitos outros avanços serviram de base para o desenvolvimento da Revolução Industrial.

A invenção de Coulomb para determinar com exatidão a intensidade das cargas elétricas é conhecida como balança de torção e sua unidade de carga elétrica recebe o nome de culômbio (um vóltio). Um culômbio é a quantidade de carga transportada por uma corrente de um ampério durante um segundo.

Imagem: Fotolia. Kuno

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: