Anfiteatro - Conceito, o que é, Significado

Do ponto de vista arquitetônico, a anfiteatro é a união ou fusão de dois teatros, de maneira que se forma uma estrutura esférica, mas especificamente um eclipse. O termo anfiteatro significa, precisamente em grego, dois teatros, pois o prefixo amphis quer dizer dois.

Assim como a civilização grega é a criadora dos teatros, a civilização romana foi quem idealizou o anfiteatro, um local normalmente destinado a todo o tipo de espetáculo, como as lutas de gladiadores, os espetáculos circenses, os enfretamentos entre animais ou simulações de batalhas navais. Os anfiteatros romanos não realizavam representações teatrais.

Estrutura de um anfiteatro romano

Na parte central está localizada a arena (o palco), ou seja, lugar onde ser realizam as atividades destinadas para entreter o público. Em torno da arena ficavam as cáveas e as arquibancadas (lugar destinado aos espectadores dependendo da sua posição social). Abaixo da arena havia uma cova para os animais e depósitos para armazenar o material dos espetáculos. E para que o público pudesse estar em boas condições haviam arquibancadas cobertas para proporcionar sombra aos participantes.

Pão e circo

O anfiteatro romano era muito mais do que um simples recinto para diversão

Nele, todas as classes sociais (patrícios, plebeus e escravos) se reuniam para discutir as despesas públicas. Os líderes acreditavam que o lazer servia como mecanismo de propaganda para manter o povo entretido. Esta ideia está resumida em uma conhecida expressão “pão e circo” (panem et circenses).

O público que comparecia aos espetáculos vestiam suas melhores roupas (de gala) e com lenços que simbolizavam seus gladiadores favoritos, algo que nos faz lembrar o futebol atual. Tudo o que acontecia nas arenas era comentados nas ruas, no senado e nos bordeis. Os anfiteatros representavam o imenso poder da civilização romana, pois neles era possível presenciar lutas entre gladiadores de qualquer raça e até mesmo lutas de animais selvagens.

O gladiador é o protagonista do anfiteatro

O espetáculo mais valorizado era o combate entre gladiadores. Eles podiam lutar em duplas, em grupo ou como verdadeiros exércitos. Normalmente os gladiadores eram prisioneiros de guerra, escravos adestrados ou condenados à morte. Antes de sair ao combate se dirigiam ao imperador com uma frase que ficou marcada na história "Ave, Caezar, morituri te salutant" (Ave César, aqueles que estão prestes a morrer o saúdam).

Imagem: Fotolia. Morphart

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: