Processo Produtivo - Conceito, o que é, Significado

Processo-ProdutivoO processo produtivo pode ser definido como o conjunto de operações e fases realizadas sucessivamente e de maneira planificada que são necessárias para a obtenção de um bem ou serviço.

O processo produtivo deve levar em conta as características do mercado de maneira que possam ajustar-se as demandas. A razão de que o processo produtivo e a demanda devam estar alinhados e em sintonia é evitar as situações de crise que acontecem. Uma demanda excessiva causa carestia ou desabastecimento, enquanto que as necessidades do mercado do processo produtivo geram uma crise sobre a produção.

Fases do processo produtivo

O processo produtivo começa com a obtenção das matérias-primas necessárias para colocar em prática a cadeia produtiva. Desta maneira, devem-se estabelecer relações comerciais com as empresas que proporcionam este input (entrada).

Além disso, é importante adquirir equipamentos necessários para o processamento das matérias-primas, procurando sempre que sua capacidade esteja de acordo com as necessidades da empresa. Precisam dispor de instalações adequadas para poder desenvolver a atividade produtiva sem inconvenientes e iniciar um processo de contratação para encontrar o pessoal mais qualificado conforme os requisitos de cada posto de trabalho.

Colocado em prática o processo produtivo, os preços poderão ser fixados em relação ao fornecimento dos bens e serviços produzidos, dos quais serão calculados através de uma porcentagem do lucro sobre o total das despesas geradas durante este processo através dos salários, matéria-prima, entre outras.

Taylorismo, Fordismo e Toyotismo

Ao longo da história existem três processos produtivos que mudaram completamente o paradigma dominante em seu tempo.

O primeiro deles foi o Taylorismo, derivado do nome do empresário Frederick Taylor, que incluiu pela primeira vez a divisão das tarefas do processo produtivo.

A próxima grande mudança chegaria com o Fordismo, da qual se refere ao sistema de produção que o americano Henry Ford implantou em sua fábrica de automóveis em Detroit

Esta maneira de administrar o processo produtivo se caracteriza pela alta especialização e regulamentação de uma vaga de trabalho, buscando certa produtividade através da divisão exaustiva da cadeia de montagem e um conhecimento detalhado de sua tarefa por parte dos trabalhadores.

Finalmente, o Toyotismo coincide com a expansão do mercado asiático em todo mundo, substituindo o Fordismo como modelo a seguir após a crise do petróleo nos anos 70. Neste caso, o ponto diferenciador se situa na flexibilidade do processo produtivo, promovendo o trabalho através da especialização e do individualismo.

Imagem: iStock. 3alexd

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: