Molécula - Conceito, o que é, Significado

Toda a matéria e, portanto, tudo o que nos rodeia é feito de moléculas. Por sua vez, as moléculas são formadas por átomos unidos entre si. A combinação de átomos pode produzir vários tipos de moléculas. Existem milhões de moléculas diferentes: umas fazem parte do nosso corpo, outras são de uso industrial, existem também as que são consumidas como alimento, além das várias possibilidades dentro do universo.

Os átomos existentes para formar moléculas não são infinitos. Na verdade, estima-se que há mais de 100 átomos diferentes em relação ao seu tamanho e que a combinação entre eles é o que produz um tipo ou outro de moléculas, uma questão muito estudada no campo da química.

A representação das moléculas

Baseado em mais de cem tipos de átomos existentes na natureza e que estão classificados na tabela periódica de elementos, as moléculas podem ser representadas através de um modelo de esfera ou por um modelo de esferas e barras. Sua representação é relevante, uma vez que nos permite dispor da imagem de cada molécula e entender melhor sua composição.

Substâncias puras e misturadas

As substâncias puras são compostas apenas por um tipo de molécula. Por sua vez, essas substâncias podem ser classificadas por um mesmo elemento (por exemplo, N2 indica dois átomo de nitrogênio e o O2 se refere a dois átomos de oxigênio). Pelo contrário, as substâncias puras podem ser um composto (por exemplo, o sulfeto de hidrogênio representa o H2S por estar formado por um átomo de enxofre e dois de hidrogênio ou água, que como sabemos o H2O é um átomo de oxigênio e dois de hidrogênio). Desta forma, as substâncias puras podem ser simples ou compostas.

As substâncias da natureza também podem misturar-se criando novas estruturas e isso acontece ao combinar duas ou mais substâncias, por exemplo, ao misturar água e óleo ou água e sal. Consequentemente, a mistura é toda uma matéria formada a partir de diversas moléculas. No campo da indústria química existe a necessidade de criar misturas de todos os tipos através de diversos processos. Estes procedimentos são aplicados em diferentes setores: na cosmética, na indústria farmacêutica, no setor de alimentação, engenharia industrial, etc.

A ideia de mistura pode ser entendida de duas formas: a mistura homogênea e a heterogênea. As homogêneas são formadas por diferentes substâncias, mas não é possível diferenciá-las rapidamente (por exemplo, a água da torneira é composta por água e por uma série de íons e outras moléculas menores). Já na mistura heterogênea é possível diferenciar seus componentes à primeira vista (por exemplo, colocando em um recipiente uma mistura de água e areia).

Foto: iStock, Jacques Kloppers

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: