Clonagem - Conceito, o que é, Significado

A diversidade da vida é tão complexa que a ciência não deixa de surpreender. Nas últimas décadas, a comunidade cientifica tem se interessado pela busca de cópias iguais de seres vivos: a clonagem.

Pode-se definir a clonagem como o processo de obtenção de indivíduos idênticos, no sentido de que compartilham a mesma herança genética

Existe a clonagem natural no caso de gêmeos univitelinos. Em seu processo embrionário o zigoto dá lugar a dois embriões idênticos. Entretanto, a clonagem se refere à cópia de um indivíduo através das células não reprodutoras, obtidas de um indivíduo adulto, ou seja, partindo das células somáticas. Isto é possível porque cada célula de um organismo possui em seu núcleo a informação de como é o organismo em sua totalidade. A explicação deste fenômeno se baseia no fato de que todas as células do organismo procedem de uma célula (o embrião unicelular) e cada vez que se divide geram cópias idênticas.

Através de técnicas de laboratório é possível criar cópias de células e, portanto, cloná-las

De uma célula da pele pode-se obter outra igual e de uma de tipo cardíaca outra idêntica. Este processo tem ainda alguns problemas, já que ao serem diferenciadas estas células “esquecem” como é o organismo em sua totalidade.

Esta dificuldade não impede que em algumas circunstâncias seja possível conseguir a clonagem exata de um ser vivo, por exemplo, no caso da ovelha Dolly, onde se conseguiu sua réplica através da implantação de um embrião clonado em uma “ovelha de aluguel”.

A clonagem significa uma reprodução não sexual, portanto ela acontece de modo artificial

A clonagem animal ou vegetal cria organismos transgênicos devido a sua manipulação genética. Isto tem uma utilidade evidente na hora de criar indivíduos com determinadas características. Vamos pensar, por exemplo, num cereal transgênico com mais propriedades alimentares, mais resistentes e com mais possibilidades de cultivo. Apesar destas possíveis vantagens, há dúvidas e temores em relação à clonagem de espécies animais e vegetais.

No caso da clonagem humana, as dúvidas são ainda maiores. Na verdade, há um debate ético permanente sobre a validade moral destas técnicas aplicas aos humanos. Já em relação à clonagem terapêutica, é inquestionável sua utilidade na hora de curar certas doenças que tempos atrás eram vistas como incuráveis. Entretanto, qualquer processo de clonagem sem um rígido controle pode trazer consequências difíceis de prever.

Imagens: iStock. Yuri_Arcurs / Jason Lugo

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: