Conceito » Filosofia » Autoconhecimento

Autoconhecimento - Conceito, o que é, Significado

O ser humano tem demonstrado grande capacidade para compreender à realidade, tanto as leis do universo como os mecanismos celulares, assim como o poder de inventar sofisticados mecanismos para melhorar as condições de vida. No entanto, não temos sido capazes de nos compreender eficientemente.

A ideia fundamental do autoconhecimento indica a capacidade de entender quem somos e porque agimos de determinada maneira. Diante destas questões, não há uma simples resposta. De fato, o autoconhecimento é uma espécie de enigma, difícil de saber quais são nossas motivações internas. Apesar desta dificuldade, há filósofos e psicólogos que têm refletido sobre o autoconhecimento.

O autoconhecimento segundo Sócrates e Freud

Sócrates viveu em Atenas, no século V a.C. Sua vida e suas reflexões ficaram conhecidas através de um de seus discípulos: Platão. Sócrates expressou uma ideia específica sobre o autoconhecimento: “Conhece-te a ti mesmo”. Trata-se de uma proposta, um desafio. Si queremos estar bem conosco temos a necessidade de fazer uma análise interior profunda. Em outras palavras, temos que exercitar a autoanálise para não nos enganar sobre nós mesmos, bem como sobre nossos desejos e aspirações.

O projeto de Sócrates diz que a conhecer a verdade de cada um é importante e que de alguma maneira devemos encontrá-la

Freud foi um pensador do século XX e o pai da Psicanálise. Em relação ao autoconhecimento, Freud fez uma profunda reflexão. Sua principal tese afirma que não podemos concordar com nossa verdade de maneira racional porque a mente humana tem um elemento irracional: o inconsciente. Portanto, Freud propôs uma série de técnicas (a hipnose e a interpretação dos sonhos) para compreender os mecanismos inconscientes que agem em nossa mente.

Para entender como age nosso inconsciente e sua influência sobre nós é necessário um processo complexo (basicamente uma terapia psicoanalítica). Se a terapia é satisfatória, o indivíduo pode interpretar quem será na realidade e quais são suas verdadeiras motivações, ou seja, terá um autoconhecimento.

As reflexões de Sócrates e Freud nos mostram que o cérebro humano continua sendo um mistério. Evidentemente que se conhecem muitos aspectos deste órgão, mas ainda continuamos nos fazendo várias perguntas sobre o que buscamos e porque precisamos do autoconhecimento.

Imagem: iStock - LuckyBusiness

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: