Adolescência - Conceito, o que é, Significado

A palavra adolescência vem do latim e literalmente quer dizer começar a crescer. É um período da vida humana, uma etapa que está entre a puberdade e a maturidade. De maneira geral, a vida de um indivíduo pode dividir-se nas seguintes etapas: infância, adolescência, maturidade e velhice. Trata-se de uma classificação que obedece a razões fisiológicas, mas também de índole psicológica e cultural.

Mudanças físicas e psicológicas na adolescência

A adolescência passa por uma série de mudanças fisiológicas. Os meninos desenvolvem a musculatura, a voz fica mais grave e há uma maturação genital. As meninas têm um crescimento em suas glândulas mamarias, acumulam gordura em algumas partes do corpo e também desenvolvem os genitais. As mudanças físicas apresentam influências significativas no aspecto psicológico.

Assim, meninos e meninas adolescentes manifestam uma série de traços característicos: dão muita importância à aparência física; manifestam vínculos afetivos com determinado grupo de amigos; podem ter problemas de autoestima e conflito com seus pais; procuram vivenciar novas sensações. Geralmente, o adolescente se encontra em um momento de mudança física e psicológica, pois não deseja mais ser uma criança e sim um adulto.

As mudanças físicas e psicológicas experimentadas na adolescência tem relação direta com a sexualidade. Na verdade, o adolescente sente um impulso sexual de certa intensidade e este aspecto influencia em suas relações pessoais. Prova disso é o índice de gravidez entre garotas adolescentes, um problema social que ainda não foi solucionado apesar das campanhas de prevenção e conscientização.

Do ponto de vista cultural, deve-se destacar que tradicionalmente a adolescência sempre foi um momento chave para a maioria das civilizações

Em muitos povos, o adolescente demonstrava suas qualidades masculinas através de algum ritual de iniciação e se fosse uma menina deveria se submeter a algumas provas para demonstrar sua feminilidade ou seu papel social diante da comunidade. Estes rituais se mantêm em alguns grupos minoritários ou religiões, por exemplo, no judaísmo, meninos e meninas realizam uma cerimônia para simbolizar a entrada na vida adulta.

A maioria dos rituais e cerimônias perdeu seu valor tradicional. Entretanto, algumas práticas que atualmente são realizadas (como a iniciação ao álcool) têm um componente simbólico evidente.

A cultura da adolescência está presente na vestimenta e na moda, mas também na música e nos valores.

Imagem: iStock. DeanDrobot

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: