Pedagogia Crítica - Conceito, o que é, Significado

A pedagogia é a disciplina que estuda a educação em geral. Neste sentido, o pedagogo é um especialista do mundo escolar, da metodologia de estudo, dos projetos formativos, da orientação escolar, formação do professorado, entre outras funções. Uma das correntes desta disciplina geral é a pedagogia crítica.

Para a pedagogia crítica os alunos devem atingir uma consciência crítica em sua fase educacional. Desta maneira, os alunos devem adquirir conhecimentos teóricos e superar certos exames, mas na verdade o que eles precisam é fomentar sua formação como indivíduo consciente da realidade os redeia.

Principais características e aspectos fundamentais

- É necessária a formação da autoconsciência do aluno;

- A finalidade do processo de aprendizagem é transformar a realidade social;

- O sistema educacional deve contemplar as diferenças sociais existentes e adotar uma postura comprometida com os valores de justiça e equidade. Os teóricos da pedagogia crítica, em especial o escritor Paulo Freire entende que a educação é um instrumento para mudar o mundo;

- O processo de ensino deve focar na autossuperação do aluno em seu contexto social e cultural;

- Os aspectos fundamentais da pedagogia crítica devem estar baseados na participação dos alunos, na sua formação humanística, na transformação da sociedade e na contextualização do ensino-aprendizagem;

- O sistema educativo convencional promove a cultura da opressão e da competitividade e está vinculado a uma cultura alienada. A pedagogia crítica procura combater os aspectos políticos, culturais e econômicos que degradam o sistema educativo;

- A pedagogia crítica deve ser entendida além de um movimento estreitamente educativo, pois a mesma surgiu no século XX com o objetivo de combater o neoliberalismo, o imperialismo e os fundamentos religiosos;

- O modelo de escola está direcionado a uma ação cultural combativa que questione a cultura do domínio.

Outras correntes pedagógicas alternativas

Existem outras correntes e abordagens pedagógicas que também contribuem com uma visão emancipadora do ser humano. A pedagogia libertária se inspira na ideologia anarquista e busca a transformação da sociedade em seu conjunto. A Escola Nova é um modelo que questiona a validade da escola tradicional. O método Montessori promove a autonomia dos alunos. Da mesma forma que na pedagogia crítica, as outras correntes apostam na educação como um instrumento transformador da realidade social.

Imagem: Fotolia. vectorikart

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: