Cinema - Conceito, o que é, Significado

O termo cinema é uma abreviatura de cinematógrafo, uma invenção dos irmãos Lumiere no final do século XIX que permitiu contar histórias através de imagens. Desde então, após mais de cem anos, o cinema continua sendo considerado uma arte (conhecido como a sétima arte) assim como um fenômeno social e uma potente indústria.

A projeção de imagens cinematográficas possui diversos precedentes históricos: as sombras chinesas, a câmara escura par projetar imagens ou fotografias. No entanto, o cinema teve um salto espantoso e qualificativo com a visualização de imagens em movimento.

Uma pincelada histórica

Os primeiros filmes tinham uma duração muito limitada, apenas uns minutos. Os pioneiros do cinema saiam com suas câmeras nas ruas para gravar a vida cotidiana das pessoas, por exemplo, operários saindo da fábrica, pessoas na praia, etc. Os irmãos Lumiere achavam que suas filmagens tinham apenas interesse científico e simplesmente descritivo, uma vez que não previam um futuro maior para sua invenção. Os filmes foram projetados inicialmente em teatros, cafés e feiras locais; no início do século XX surgiram as primeiras salas de cinema. A partir desse momento o cinema passou a ter uma nova abordagem: contar histórias de ficção para divertir os espectadores. Neste contexto surgiram os primeiros efeitos especiais, por exemplo, no filme “Viagem à Lua” de 1902, assim como com a decoração e com todos os elementos próprios da indústria cinematográfica (produção, roteiro, montagem, entre outros).

Em poucos anos, a linguagem cinematográfica foi se formando e as câmeras de filmagem foram se aperfeiçoando gradativamente

Na década de 20 já existiam os cines clubes e a indústria de Hollywood passou a dar seus primeiros passos. Em 1927 houve uma transformação revolucionária, os filmes sonoros (o primeiro filme foi O cantor de jazz). Os avanços tecnológicos não paravam de acontecer, no final dos anos 40, o cinema em cores já era uma realidade. As grandes superproduções foram possíveis graças à incorporação do sistema Technicolor, que lentamente converteu o cinema preto e branco em uma relíquia do passado.

O cinema se transformou em todos os quesitos e nas últimas décadas a era digital e os computadores revolucionaram o conceito global da cinematografia.

Há muitas maneiras de entender o cinema. Como arte é uma síntese única com outras formas de criação artística (combina literatura, interpretação e vários elementos criativos). Como espetáculo pode-se afirmar que tem sido um grande espetáculo de massa do século XX. E do ponto de vista individual, a formação e a cultura de uma pessoa não poderia ser entendida sem apreciar os filmes ao longo de sua vida.

Foto: iStock, iStock_Oles

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: